Loading

Confira sugestões imperdíveis para prevenir e combater efeitos da maresia

coberturas-de-aluminio-e-vidro

Maresia é o fenômeno causado pela umidade salgada, corrosiva e oxidativa, característica das cidades litorâneas que podem causar mofo nos imóveis, ferrugem e apodrecimento de madeiras. Em nossa publicação anterior pincelamos o assunto e falamos alguns detalhes que devem ser observados na estrutura do imóvel, agora iremos dar dicas para prevenir e combater essa névoa vindo do mar que até seu carro pode destruir, caso não sejam tomados os devidos cuidados.

Madeira

Foto: Reprodução Internet

Foto: Reprodução Internet

Quando o assunto for madeira, fugir de lixamento e envernizamento de tempos em tempos não será de todo possível, mas uma forma de fazer durar mais a integridade do material é escolher produtos apropriados para a conservação deste, como é o caso do verniz náutico ou o verniz premium, ou até mesmo o verniz marítimo premium – diferem dos demais vernizes disponíveis no mercado devido a composição da base, e, possuem propriedades anti mofo, fungos e algas. Não se esqueça de pintar os pregos, parafusos, dobradiças entre as madeiras, esses também sofrem com a ação da maresia.

Podendo escolher o tipo de madeira, opte por teca, ipê, maçaranduba ou pinho-de-riga – recomendadas por especialistas. Evite compensados e madeiras de baixa densidade. Optar por material de fibra sintética pode ser uma opção a utilização da madeira.

Limpe sempre para remover o sal da superfície, mantenha lustrado.

PVC

Não há necessidade de tratamento especial em material PVC, possui alta resistência à maresia e a manutenção se resume à retirada de pó. Além da utilização do PVC na produção de canos de água fria, a construção civil também aderiu o material nos pisos, esquadrias e forros devido a sua impermeabilidade, durabilidade, não corroem, é um isolante térmico e acústico, não propaga o fogo e são um excelente acabamento estético.

Foto: Reprodução Internet

Foto: Reprodução Internet

Banner4-768x285

Foto: Reprodução Internet

Foto: Reprodução Internet

Porcelanatos

Se o seu caso não for o piso de madeira, nem de PVC, porcelanatos tipo gloss com acabamento fosco são os recomendados, pois são mais impermeáveis e resistentes às manchas, até mesmo disfarçam a sujeira de pó ou areia. Para limpar basta aspirador de pó e pano úmido, sendo desaconselhável cera, sabão em pó, detergentes, cloro, vinagre e produtos abrasivos para não retirar o brilho.

Foto: Reprodução Internet

Foto: Reprodução Internet

Alumínio

Alumínio pode ser uma opção ao ferro – inimigo número um para quem quer combater os efeitos da maresia. Esta sujeito a oxidação branca, portanto para proteger a peça de alumínio recomenda-se pintar com esmalte sintético, epóxi, eletrostática ou anodização.

Cobertura de alumínio e vidro | Foto: Alumisan

Cobertura de alumínio e vidro | Foto: Alumisan

Aço inox, ou Galvanizado, ou aço patinável

Para encaixes de maçanetas, dobradiças, parafusos, cubas, fechaduras, ferragens em um geral, dê preferência para aço inoxidável, ou galvanizado, ou patinável com pinturas especiais contra corrosão.

Esses materiais também podem ser encontrados na fabricação de geladeiras, fornos, fogões, bancadas, lustres, eletrodomésticos e utensílios diversos. São resistentes à corrosão atmosférica e oxidação, são extremamente duráveis, requerem menos manutenção e têm aparência atraente.

Foto: Reprodução Internet

Foto: Reprodução Internet

Telhado

Evite argamassa que sofre deterioração a maresia, se possível, opte por cerâmica com impermeabilizante, ou telhas de concreto com acabamento gloss, ou telhas de fibrocimento sem amianto. Lajes devem ser impermeabilizadas. Outra boa opção contra a maresia, e, também ao calor excessivo, é o telhado verde.

Foto: Reprodução Internet

Foto: Reprodução Internet

COMBATE AO MOFO DAS PAREDES

Um bom aliado contra o mofo são as tintas que contêm fungicidas, ideais para as paredes internas, para as paredes externas dê preferência às tintas impermeabilizantes. Outra alternativa é recorrer aos revestimentos que não sejam feitos de argamassa, mas sim de cerâmica, pastilhas ou pedra para prevenir os efeitos lesivos da maresia e também decorar o ambiente com elegância.

Evite concreto por ser poroso, se não foi pensado no tratamento do cimento no planejamento e execução da construção do imóvel, uma boa opção é pintá-lo posteriormente com produtos resistentes a maresia, de forma que reduza a porosidade do material e não acumule o sal na superfície.

Tags

Amim Imóveis

Amim Imóveis

LEAVE A COMMENT